Imagem do Header da Postagem

9 dicas para valorizar o imóvel para venda

Chegou o momento de tirar aquelas merecidas férias e passar mais tempo com a família. Mas é também hora do corretor imobiliário organizar-se para a alta nas vendas de imóveis que se aproxima com o mês de janeiro. Mesmo diante do cenário econômico crítico do Brasil, essa época do ano costuma ser movimentada para o mercado. Diante disso, as imobiliárias precisam adotar medidas que facilitem a venda.

A localização do imóvel pode ser perfeita, as condições de pagamento favoráveis, mas se o cliente visitar o imóvel e não ficar encantado, a venda ficará mais difícil de ser concretizada. Afinal, as primeiras impressões valem muito. Valorizar o local pode ajudar o corretor imobiliário no momento da negociação. Para isso, é necessário analisar o imóvel e verificar quais são os seus defeitos e, então, determinar melhorias a serem feitas. Conheça algumas medidas possíveis:

1. Faça uma limpeza geral

Essa é uma medida básica em qualquer local, esteja ele à venda ou não. Guardar objetos que estiverem espalhados, passar uma vassoura e um pano no imóvel, tirando poeira e outras sujeiras, incluindo dentro de gavetas e armários, ajuda a passar a impressão de que o imóvel é bem cuidado e tem boa manutenção.

É recomendado observar o teto e as paredes do imóvel, procurando por possíveis manchas e infiltrações, assim como teias de aranha devido ao tempo vago. Livrar-se de móveis velhos e danificados também é uma alternativa para melhorar a aparência do espaço.

2. Faça uma reforma estética

Paredes em cores claras e neutras costumam ser preferência entre quem procura um imóvel para comprar, já que facilitam eventuais mudanças. Portanto, pinte as áreas que não se enquadrarem nesse padrão. Substituir lâmpadas queimadas, e pisos e azulejos quebrados é outra dica importante.

A estrutura do imóvel pode ser modernizada por meio de pequenas reformas, ampliando ambientes e tornando os cômodos melhor iluminados pela luz natural, por exemplo. Não sendo possível realizar uma reforma,devido ao recente aumento pela procura de apartamentos compactos, busque aproveitar melhor os espaços, distribuindo da melhor forma os imóveis,principalmente na sala, que é a peça mais visada pelos compradores na grande parte dos casos.

3. Organize e despersonalize o local

Caso o imóvel esteja mobiliado, arrume a decoração e as camas de modo atrativo e de bom gosto. Nos banheiros, quartos e salas, não deixe à mostra itens pessoais, como roupas e escovas de dente. Características muito fortes, como objetos religiosos e camisetas de times, também podem causar antipatia e receio por parte dos possíveis compradores.

Espaços mais escondidos, como garagem e área de serviço também merecem atenção e devem estar em condições e aparência igual ao restante do imóvel.

4. Faça uma manutenção preventiva

Garanta que o imóvel está em boas condições contratando um prestador de serviços para checar como está a instalação elétrica, o encanamento e a estrutura física em geral do local. A área externa também deve receber atenção, estando livre de lixo, muros pichados, rachaduras e jardim descuidado.

Tecimob - Site para corretor de imóveis e imobiliária

5. Mostre o imóvel vazio

Se possível, receba os possíveis compradores sem a presença dos atuais moradores do imóvel, deixando-os mais tranquilos para visitar o local e o imaginem sendo sua própria residência.

6. Explore os cinco sentidos

Explorar a visão, olfato, audição, tato e paladar pode ajudar a convencer os possíveis compradores a adquirirem o imóvel, fazendo da visita uma experiência. Torne o ambiente agradável mostrando o local durante o dia, abrindo as cortinas e permitindo que a luz natural ilumine os cômodos, e mostre a vista do local. Velas de aromas suaves, música ambiente em volume baixo e cortinas, sofás e cadeiras com tecidos de boa sensação ao toque ajudam no processo. E, claro, um petisco e um café sempre tornam tudo mais agradável.

7. Deixe as contas quitadas

Verifique a Certidão Negativa de Débito Imobiliário relacionada ao imóvel, confirmando a quitação do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) e de outras tarifas, e a apresente aos possíveis compradores, evitando transtornos futuros.

8. Esteja informado sobre a região e o condomínio

Uma boa localização é um dos principais fatores buscados na compra de imóveis. Ter conhecimento sobre mercados, shoppings e parques próximos, assim como o acesso ao transporte público, é essencial no momento da venda. Conhecer as regras e áreas comuns do condomínio também é importante na definição se a pessoa deseja residir em um determinado local.

9. Faça uma boa divulgação

A internet há muito tempo é a plataforma mais popular e barata para a compra e venda de qualquer produto, incluindo os imóveis. Invista em boas fotos, mostrando o ambiente organizado, limpo e sem pessoas. Na descrição, destaque os pontos fortes do local, como sua localização, espaço útil e data da última reforma.