Skip to main content
Como iniciar a divulgação de um site para imobiliária

Como iniciar a divulgação de seu site para imobiliária

Você já sabe que hoje é preciso estar online para existir de verdade no mercado imobiliário e tornar-se verdadeiramente competitivo. No entanto, a internet não é um passe de mágica que, só porque você está lá, é visto. Imagine-a como uma imensa vitrine, em que a quantidade de produtos muito parecidos é tão grande que quando você olha não consegue achar nada. Então é preciso se destacar na multidão, certo? Ou seja, é preciso fazer a divulgação do seu site para imobiliária para que ele não seja apenas mais um em meio a tantos outros. Para isso você precisa fazer as pessoas saberem que você está lá e criar diferenciais que agreguem valor a quem mais importa: seu público-alvo.

Se você ainda é da era offline…

Mas está tentando resolver esse problema o mais rápido possível, a dica é usar de alguns expedientes off-line também. No fundo, qualquer corretor que queira que seu site seja conhecido deverá utilizar as mesmas formas de divulgação, mas suponhamos que você ainda se sinta mais à vontade no ambiente offline. Neste caso, você deve aproveitar todo o seu material impresso – cartões de visita, flyers, folderes, outdoors, busdoors, backdoors e todos os “doors” – para incluir o endereço da sua homepage.

Tecimob - Site para corretor de imóveis e imobiliária

Claro, o ideal, para não ficar um trabalho feio, é mandar imprimir tudo de novo, mas, à exceção dos cartões de visita, pode ser que fique um pouco caro. Afinal, a mídia offline é muito mais dispendiosa do que a online. Aí, é ver o que compensa mais, fazer tudo de novo ou partir para dentro do marketing digital de vez. Não esqueça, no entanto, que a parte mais importante da divulgação do seu site para imobiliária é na própria internet, afinal, é lá que as buscas acontecem.

Mas se você já tem alguma presença online…

Então é aproveitar seus canais disponíveis e aplicar algumas técnicas para otimizar o site e jogá-lo lá para cima nos motores de busca, os chamados “crawlers”.

SEO

A primeira delas é usar o Search Engine Optimation, o famoso SEO, sem o qual nada é visto nessa vida virtual. Você vai começar tendo um domínio próprio, para que a URL do seu site já contenha a sua marca, assim como seu e-mail. Depois disso vem a produção de conteúdo, uma parte importantíssima para aumentar o tráfego na sua página: ele deve ser original (ou seja, nada de cópias), relevante para seu público-alvo, atualizado e bem escrito.

Imagine que um site imobiliário deverá ter dezenas, centenas de casas, apartamentos, terrenos, galpões, lofts, etc, mas só isso pode não ser o suficiente para atrair a atenção dos motores de busca. Então você pode fazer um blog vinculado ao site, com este tipo de conteúdo que gera tráfego linkado com ele. Ao mesmo tempo que agrada aos crawlers, você também mantém seu público bem informado e cria um relacionamento com ele, o que ajuda nas vendas. Esse conteúdo deverá também conter determinadas palavras-chave dentro da estratégia SEO.

Redes sociais

Elas são excelentes para divulgar seu site através de posts pequenos, notas interessantes que agucem a curiosidade, mas que sempre levam algum tipo de informação – linkada ao site. Você também pode criar pequenas campanhas, enquetes e promoções, mas procure ter cerca de 80% de conteúdo informativo e apenas 20% de publicidade.

Facebook, Twitter, Instagram são excelentes formas de se manter em contato com seu público, trocando ideias e coletando também informações através dos comentários. Quanto mais seguidores você ganhar, maior será a sua credibilidade, mas cuidado para a “fama” não subir à cabeça. Seja, antes de tudo, ético e honesto, porque a propaganda boca a boca online destrói tão rápido quanto constrói.

Links patrocinados (anúncios pagos)

Eles costumam ter um ótimo alcance e são uma boa forma de divulgar seu site – e também são vinculados a palavras-chave digitadas na pesquisa. No Google Adwords, Bing e Yahoo, você paga por click, ou seja, só quando um usuário clica no seu anúncio. Outra vantagem é que você pode controlar o quanto vai gastar por dia. Os resultados são praticamente instantâneos.

Newsletters

Chamadas também de e-mails marketing, aqui a ideia é coletar os endereços eletrônicos e o máximo possível de informações sobre os visitantes do seu site. Com estes dados você pode direcionar novidades, sugestões, lançamentos e material informativo de acordo com o perfil de cada um ou de grupos via e-mail. Além de suprir seu público-alvo de informação relevante, você poderá direcioná-los para o site ou para o blog.

E você, tem mais alguma sugestão de divulgação do site? Conte para a gente sua experiência aqui, nos comentários!

 

Deixe o seu comentário!

Comentários

Karine Dandolini

Supervisora de Marketing - Desenvolvedora das atividades do ramo. Executa processos e rotinas, visando o atendimento das necessidades da empresa, apostando também no marketing de relacionamento para com seus clientes.

Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

avatar
wpDiscuz
Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE