Skip to main content
O que pode causar a desvalorização de um imóvel

O que pode causar a desvalorização de um imóvel

Na hora de avaliar o valor de um imóvel, existem determinados pontos que contam para valorizá-lo. Boa localização, vista agradável e bom estado de conservação são alguns exemplos. Todos esses são elementos que garantem mais conforto e tranquilidade aos potenciais compradores. 

Mas existem outros itens que devem ser avaliados na compra e venda de imóveis: os que levam à sua depreciação. Para fazer um melhor atendimento ao cliente, é essencial que o corretor também tenha conhecimento destes pontos. Você sabe quais são eles?

1. Mau estado de conservação 

Um dos principais pontos que contribuem para a desvalorização do imóvel é um estado de conservação ruim. É preciso pensar do ponto de vista do comprador, que precisará gastar um bom dinheiro com reformas e pinturas. Isso vale tanto para o interior do imóvel quanto para o seu exterior: se a fachada estiver mal cuidada, dificilmente alguém vai fazer uma boa oferta pela propriedade.

2. Falta de segurança

Quando uma pessoa compra um imóvel ela leva em consideração uma série de fatores e a segurança é um dos principais. Ninguém quer comprar uma casa em um bairro onde os assaltos são constantes, certo? Por isso, este é mais um fator que deprecia a casa ou apartamento. Também é por isso que condomínios costumam ser mais procurados e valorizados.

Tecimob - Site para corretor de imóveis e imobiliária

3. Gramas e jardins malcuidados

Mesmo que a casa apresente um espaço ao ar livre bacana, isso não servirá para atrair mais compradores interessados se houver grama alta, mato e pouco cuidado com o jardim. Piscinas sujas e folhas espalhadas também não contribuem para a beleza do lugar. Por isso, pode valer a pena fazer uma boa limpeza no local antes de agendar visitas com clientes.

4. Decoração excessiva

Também é preciso ter cuidado com a decoração. O ideal é que o imóvel tenha um estilo clean, cores brancas e poucos móveis. É claro que isso nem sempre é possível, mas, de maneira geral, é bom evitar muitos objetos espalhados pela casa e excesso de cores. Assim, o potencial comprador não tem uma má impressão do imóvel, mais pessoas se interessam pelo espaço e não é preciso reduzir consideravelmente o valor para garantir a venda.

5. Ausência de garagem

Mesmo que o comprador não tenha carro, é provável que ele tenha planos para comprar. Por isso, boa parte dos seus clientes considera a existência da garagem antes de fechar o negócio. Quanto mais garagens o imóvel tem, maior é o seu valor. Em contrapartida, quando não há garagem disponível, o imóvel vale menos.

6. Pouco espaço

Quartos pequenos, sala conjugada com a cozinha e falta de áreas de lazer são pontos que reduzem o valor do imóvel. Quem investe um valor alto na compra, espera conforto, certo? Para isso, é preciso espaço. Por isso, de forma geral, quanto menor for a área da casa ou apartamento, menor é o seu preço.

Agora, que tal trabalhar para valorizar esses pontos que podem se mostrar mais problemáticos? Dê uma lida em nosso post Como valorizar um imóvel durante a visita?

O que você acha dos pontos que levam à desvalorização do imóvel? Participe: deixe a sua resposta nos comentários.

 

Deixe o seu comentário!

Comentários

Karine Dandolini

Supervisora de Marketing - Desenvolvedora das atividades do ramo. Executa processos e rotinas, visando o atendimento das necessidades da empresa, apostando também no marketing de relacionamento para com seus clientes.

Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

avatar
wpDiscuz
Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE