Skip to main content
Tempo máximo de leitura da página: 22 minutos

Resposta automática: você está fazendo direito, corretor?

Resposta automática: você está fazendo direito, corretor?

Nada como a tecnologia – principalmente quando ela nos coloca em contato com possíveis clientes em potencial mesmo quando não estamos nem próximos ao computador. E-mails, Facebook, sites, blogs e a resposta automática estão aí para isso, para não deixar nem um cliente fugir e aproveitar para mostrar logo algumas das nossas melhores ofertas de imóveis, certo? Totalmente errado. Se é assim que você lida com a sua resposta automática, é possível que você esteja mais afastando do que atraindo clientes. Quer saber por quê, corretor? É o que nós vamos te contar neste post. Vamos te ajudar também a lidar de forma mais adequada com este recurso, começando com uma primeira regrinha que vale ouro:

Não banque ao chato desesperado

Se você é daqueles que coloca cores vibrantes, pulsantes, letras em caixa alta ou apresenta logo uma oferta para quem disse um simples “oi”, você está bancando o corretor de imóveis chato, desesperado e com jeito de charlatão. Ou seja, tudo o que você não precisa – e que a resposta automática não foi criada para ser. Basta pensar com sensatez, ninguém gosta de quem arromba a porta só porque giraram a maçaneta. Com essa atitude você mais assusta do que conquista e ainda tira a espontaneidade do cliente.

Tecimob - Site para corretor de imóveis e imobiliária

Então o que fazer?

O que fazer com a resposta automática? A resposta é simples: usá-la durante longos períodos de ausência, como férias ou feriados prolongados. Afinal, foi para isso que ela foi criada. Quando você simplesmente estiver fora do escritório ou não puder entrar em contato naquele momento, deixe a pessoa interessada dar o seu recado com a calma e a tranquilidade que ela merece, a seu tempo. Na volta, você, como corretor dedicado, checará suas contas e responderá a todos com calma – e, o mais importante, de forma personalizada. Porque é esse tipo de atenção que conquista um cliente, criando um diferencial.

Discrição e sinceridade

Quando você estiver viajando ou de férias, aí sim, use a resposta automática para explicar por que e por quanto tempo se ausentará e as opções que o cliente pode ter para entrar em contato com você em um caso urgente, por exemplo. Faça isso com letras normais, em um texto simples, claro e direto, sem oferecer nenhum imóvel ou tentar vender o seu serviço, simplesmente porque não é assim que se criam oportunidades. Você deve mostrar profissionalismo e respeito pelo futuro cliente.

Não seja tão óbvio

Se, no entanto, você não resiste em colocar a resposta automática trabalhando por você 24 horas por dia, pelo menos procure usá-la sem ser chato. Evite falar o que é óbvio, o que a pessoa já sabe, como “Recebi o seu e-mail” (até porque quem recebeu foi o computador, não você), ou “Responderei assim que possível” (até porque as mensagens eletrônicas só são mesmo respondidas quando é possível).

Procure ser simpático, sem ser dramático ou exagerado. Não diga que está recebendo tantas mensagens que não está dando conta de respondê-las em tempo real, porque hoje em dia o cliente já não acredita mais nesse tipo de conversa. A dica é agradecer o contato de forma concisa, pedir desculpas por estar indisponível no momento e indicar um prazo para que a pessoa receba o seu retorno. E retorne, caso contrário pode ser um tiro no pé.

Humor, use com moderação

Se você faz a linha do corretor de imóveis mais informal, pode usar da criatividade e até de um pouco de humor – desde que de bom gosto, é claro. Você pode incluir um joguinho de estratégia para a pessoa se distrair e até um vídeo engraçado, mas que diretamente não tenha nada a ver com a venda de imóveis, como de cachorrinhos atrapalhados ou de bebês fazendo gracinhas. Mas não esqueça: nada de mau gosto ou polêmico. Dessa forma você dá algo em troca para que o cliente não fique desapontado com a sua ausência e ainda se divirta um pouquinho.

Relembrando: o ideal mesmo é usar a resposta automática para férias, feriados prolongados, viagens de negócios e épocas em que você realmente não poderá responder. Nos demais dias, nada como a atenção personalizada e merecida ao seu cliente.

E você, quando usa e como elabora as respostas automáticas para seus clientes? Este artigo te ajudou? Compartilhe!

 

Deixe o seu comentário!

Comentários

Matheus Mesquita

Customer Success - Trabalha para que o cliente utilize o produto ou serviço da maneira correta para alcançar seus objetivos, focando no, como o nome já diz, sucesso do seu cliente.

Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

avatar
wpDiscuz
Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE