Skip to main content
Tempo máximo de leitura da página: 22 minutos

A mulher brasileira no mercado imobiliário

A mulher brasileira no mercado imobiliário
 Você sabia que o público feminino representa mais da metade da população brasileira? São mais de 104 milhões de mulheres no Brasil, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), e 43% delas estão ativas no mercado de trabalho. Em que profissões? Quase todas que você puder imaginar: nas áreas de construção civil, direito, educação, segurança e política, por exemplo. É claro que o mercado imobiliário não fica de fora – muitas mulheres trabalham nesse segmento.

Saiba, neste post, como as mulheres começaram a trabalhar como corretoras de imóveis e descubra algumas das razões que fazem com que elas também sejam excelentes profissionais na área:

Um pouco da história das mulheres no mercado imobiliário 

Você sabia que até pouco tempo havia um artigo no Código Comercial Brasileiro que dizia que as mulheres não poderiam atuar como corretoras de imóveis? Era o artigo 37, que foi alterado em março de 1958, por decisão do Tribunal de Justiça. Foi só a partir daquele ano que as mulheres puderam começar a exercer a profissão no Brasil – um fato interessante, especialmente quando sabemos que hoje em dia mais de 33% dos corretores no mercado são do sexo feminino (de acordo com dados divulgados pelo Cofeci-Creci).

Tecimob - Site para corretor de imóveis e imobiliária

Marly da Silveira Ferreira é um exemplo de mulher pioneira na área. Em 2013 ela foi a primeira presidente mulher eleita no Sindicato dos Corretores de Imóveis do Rio de Janeiro. Marly, que está na profissão desde 1976, afirma que a valorização da mulher corretora cresceu muito no mercado nos últimos anos. Saiba mais sobre o que Marly tem a dizer sobre a presença feminina no mercado de compra e venda de imóveis neste artigo da Federação Nacional dos Corretores de Imóveis (FENACI).

Por que as mulheres podem ser excelentes corretoras de imóveis

Algumas características comuns nas mulheres são muito bem-vindas no mercado imobiliário. A tendência a ser naturalmente detalhista, por exemplo, pode ser de grande ajuda na hora de mostrar um imóvel para um cliente, destacando-se ao mostrar os diferenciais de uma casa ou até mesmo para oferecer sugestões de reformas ou de decoração. A sensibilidade, comum no público feminino, também contribui para um melhor atendimento ao cliente. Esta é uma qualidade importante na hora de entender quais são as necessidades do potencial comprador.

Além disso, a facilidade para se comunicar, mais uma característica forte nas mulheres, também é essencial para garantir melhores negociações.

O mercado de compra e venda de imóveis oferece alguns benefícios. O profissional pode fazer os próprios horários, pode optar por trabalhar por conta própria e tem boas possibilidades de ganhar um bom dinheiro com as comissões sobre as vendas. Mesmo durante a crise, é possível aproveitar boas oportunidades – uma vez que muitos investidores aproveitam a época para comprar imóveis. Uma ótima opção de trabalho – que pode ser exercida, com muita eficiência, por homens e por mulheres.

E você, o que acha do aumento da presença feminina no mercado de compra e venda de imóveis? Deixe a sua opinião nos comentários. 

 

 

Deixe o seu comentário!

Comentários

Matheus Mesquita

Customer Success - Trabalha para que o cliente utilize o produto ou serviço da maneira correta para alcançar seus objetivos, focando no, como o nome já diz, sucesso do seu cliente.

Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

avatar
wpDiscuz
Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE