Skip to main content
3 dicas para você aumentar o tráfego no seu site imobiliário

3 dicas para você aumentar o tráfego no seu site imobiliário

O seu site de corretagem de imóveis está com o movimento abaixo do esperado? Calma, não desanime, há algumas formas relativamente simples para aumentar o tráfego no seu site. A primeira delas é trabalhar bastante – sim, isso não tem jeito. Quem pensa que basta montar a página, colocar algumas ofertas e o resto vem sozinho, muito se engana. É preciso um esforço concentrado, principalmente para quem está começando, para gerar oportunidades e acelerar a conversão de leads. Sem uma boa dose de dedicação diária não há dica que funcione, afinal, ninguém disse que a vida do corretor é moleza – mas compensa, e muito. Então arregace as mangas e mãos à obra, porque é hora para você dizer a que veio.

1. Mantenha seu site sempre atualizado e com novas ofertas

A produção da cartela de clientes deve ser constante ao logo de toda a carreira do corretor de imóveis, mesmo daqueles que já estão há anos na estrada – o que dizer então de quem está começando? Da mesma forma, você deve ter sempre novas ofertas para ter alguns trunfos na manga. Claro, de que adianta clientes sem imóveis para vender e vice-versa? E se há uma coisa que as pessoas gostam de ver é novidade.

Por isso, mesmo que as vendas estejam fracas a princípio, continue buscando novos clientes e novos imóveis para serem expostos – e divulgando-os através de e-mails marketing, SMS e WhatsApp, por exemplo. Estes dois últimos são gratuitos e têm um grande alcance.

2. Google AdWords, a grande ferramenta do momento

Ele existe, é fácil de usar e funciona, então não tem porque não usar. O Google AdWords permite que você oferte o seu imóvel a quem está procurando por ele através do público que está tendo um determinado tipo de comportamento online no momento ou do uso de palavras-chave específicas que estão sendo mais usadas.

Tecimob - Site para corretor de imóveis e imobiliária

A ferramenta possibilita que você crie campanhas para um grupo específico de pessoas, para quem está procurando imóvel na região dos Jardins, em São Paulo, por exemplo. Você direciona seus esforços para um público-alvo bem definido, que receberá seus anúncios. O AdWords consegue isso através de mecanismos como estudos direcionados de busca, volume de procura, alcance e força da palavra-chave, por exemplo.

Lembre-se, quem está á procura de uma solução para o seu problema de moradia quer resultados rápidos, condizentes com suas necessidades. Assim, a estratégia é levar o cliente diretamente para uma página de busca de imóveis por região ou diretamente para a página de um produto específico.

Há vários tipos de anúncios do AdWords, através de palavras-chave, que funciona de acordo com o que o público digita para pesquisar; de banners-display, que aparecem nas páginas de conteúdo do Google ou em sites parceiros; e o Retargeting, que replica um anúncio de um conteúdo já visto sempre que o usuário visitar a rede de conteúdo associada do Google. Escolha o que mais tem a ver com a sua estratégia – ou todos, dependendo dos seus objetivos.

3. Assine um portal imobiliário

Investir nos classificados online é uma boa forma de geração de tráfego, mas antes faça uma boa análise do seu site: faça de conta que é um cliente e veja como suas ofertas aparecem na busca do Google ou do Yahoo. Por exemplo, se ao digitar “apartamento à venda no Morumbi” as ofertas cadastradas no seu site aparecem nas primeiras páginas, você está bem no ranking e não precisa fazer grandes investimentos em portais. Isso acontece quando seu site está bem otimizado, com uma boa estratégia de anúncios patrocinados e a ferramenta AdWords está sendo bem aproveitada.

 

Mas se isso não acontecer, pesquise o nível de satisfação dos usuários em relação ao portal imobiliário no qual pretende investir. Basta dar uma olhadinha nos comentários e na própria busca do Google – não esqueça que a internet é uma excelente forma de divulgação de tudo, inclusive de reclamações. Analise também se os imóveis daquele portal aparecem nos 10 primeiros resultados do Google, ou seja, na busca orgânica, aquela que não é paga. Para isso, digite vários detalhes do imóvel, como cidade, bairro, tipo, quantidade de quartos etc. – e veja se ele realmente consegue o resultado que você precisa.

Vários portais imobiliários têm também uma ferramenta que possibilita a integração automática com websites, evitando que você tenha que entrar em cada site para atualizar seu anúncio. Sua rotina fica mais prática e você ganha tempo para dedicar-se a todos os outros aspectos da trabalhosa, mas muito gratificante, carreira de corretor de imóveis.

E você, como tem feito para dinamizar o tráfego do seu site imobiliário? Compartilhe conosco a sua experiência aqui nos comentários!

 

Deixe o seu comentário!

Comentários

Patrícia Alves

Customer Success - Trabalha para que o cliente utilize o produto ou serviço da maneira correta para alcançar seus objetivos, focando no, como o nome já diz, sucesso do seu cliente.

Deixe um comentário

1 Comentário em "3 dicas para você aumentar o tráfego no seu site imobiliário"

avatar
mauricio oliveira imoveis
Visitante

excelente

wpDiscuz
Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE